Existem cada vez mais formas de entrar numa faculdade, o que é ótimo, pois torna a educação mais acessível. Mas ao mesmo tempo, pode confundir os alunos: afinal, qual a melhor opção para entrar na faculdade e economizar? O estudante pode fechar direto no balcão da faculdade, tentar um financiamento estudantil ou uma bolsa de estudos. Para te ajudar, vamos fazer algumas comparações:

Direto na faculdade

Essa é muito simples de calcular, vamos supor que o valor do seu curso na faculdade escolhida seja de R$1000,00 por mês no primeiro semestre. Ao final do semestre, você terá pago para a faculdade R$6000,00.

Financiamento estudantil

Com o Fies, por exemplo, vamos simular o financiamento de 50%, também de uma mensalidade no valor de R$1000,00. Durante a utilização, ou seja, enquanto o aluno estiver estudando, o aluno paga metade da mensalidade para a faculdade, ou seja, R$500,00 e tem que pagar trimestralmente R$150,00 referente ao juros do financiamento.

Esse valor de juros também é necessário pagar, da mesma forma, durante a carência (18 meses após formado). E a partir do 19º mês após formado, o aluno começa a pagar R$ 332,73 por mês, durante 18 meses.

Então vamos lá que essa conta já complicou (rs!):

  • Mensalidade para a faculdade: R$500,00 x 6 (número de parcelas em um semestre): R$3.000,00
  • Juros durante a utilização: R$150,00 x 2 (número de trimestres durante um semestre): R$300,00
  • Juros durante a carência: R$150,00 x 6 (número de trimestres em 18 meses de carência): R$900,00
  • Valor pago após carência: R$ 332,73 x 18 (número de parcelas do financiamento): R$5.989,14
  • Valor total do semestre (ufa!): R$10.189,14.

Vale lembrar que essa é uma simulação simples e que os valores podem mudar de acordo com a renda do estudante e do contrato feito com o Fies.

Bolsa de estudo Amigo Edu

No site do Amigo Edu, você consegue bolsa de estudos com até 80% de desconto, mas para usarmos a mesma porcentagem do Fies, vamos simular uma bolsa de estudos de 50%.

Então, se a mensalidade é R$1000,00 e o aluno consegue desconto de 50%, passa a pagar R$500,00 por mês para a faculdade.

Como na maioria dos casos a primeira mensalidade já é a matrícula, não teriam custos a mais.

Por outro lado, depois de garantir sua bolsa pelo Amigo Edu, o aluno pode abrir a Conta E: primeira conta para estudantes 100% digital e sem anuidade. Abrindo a sua Conta E, o aluno de graduação pode ter R$100,00 de cashback. Ou seja, R$100 a menos no total pago.

Então vamos a conta: R$500 x 5 = R$3000,00 – R$100 (cashback) = R$4990,00.

Na pior das hipóteses, você economizou R$1.510,00 em apenas um semestre. Se a gente multiplicar isso por 8 semestres, que é a média de duração de um curso superior, o aluno economiza R$12.080,00!!!

Para deixar toda essa conta mais fácil para você, quando fizer a pesquisa da bolsa de estudo, o site do Amigo Edu já te mostra o valor que irá economizar durante a faculdade, como na imagem abaixo:

Agora é só escolher o curso e bons estudos! 😉

GOSTOU DO CONTEÚDO? COMPARTILHA COM A GALERA!