Você sabe o que é um vestibular? É um processo seletivo utilizado pela maioria das instituições de ensino superior do país para selecionar os alunos.

Os candidatos que desejam entrar na universidade devem saber tudo sobre ele, por exemplo, como prestar vestibular, valores e o que estudar.

Continue a leitura e entenda como funciona o vestibular, para que serve e muito mais!

O que é vestibular e como funciona? 

O vestibular é uma das formas mais conhecidas e usadas para entrar em uma faculdade, pública ou privada. Cada instituição tem seu próprio vestibular, que é feito a partir de uma ou mais provas.

Para participar, o candidato, ou também chamado de vestibulando, deve fazer sua inscrição, pagar a taxa (caso houver), se preparar e ir até o local, dia e horário marcado para fazer o vestibular.

Uma dúvida comum, principalmente dos novos candidatos, é o que cai no vestibular. Na maioria dos casos, a prova é composta por questões referentes ao conteúdo dos três anos do ensino médio. Mas também há casos de vestibulares solicitarem habilidades e conhecimentos específicos do curso que o aluno deseja.

Ainda sobre a prova, ela pode ser dissertativa ou de múltipla escolha (alternativas) e também conter redação. Sobre a quantidade de perguntas, varia bastante de acordo com a faculdade.

Como estudar para o vestibular? 

É importante saber como estudar para o vestibular e conseguir a tão sonhada vaga. E isso pode ser feito de duas maneiras: por conta própria ou em cursos preparatórios.

Os cursos preparatórios, também conhecidos como cursinho pré-vestibular online ou presencial, preparam o aluno para realizarem o vestibular, oferecendo aulas, material de apoio, orientação vocacional, plantões de dúvidas, simulados, entre outros.

Existem também alguns cursinhos voltados para cursos específicos e que são mais concorridos, como os de Medicina, Medicina Veterinária e algumas Engenharias. Também existem cursinhos específicos para determinado vestibular.

Vale destacar que algumas universidades oferecem cursinho gratuito para estudantes de baixa renda e matriculados em escolas públicas, oferecendo até mesmo oficinas de como fazer uma redação para vestibular.

Outra opção é estudar para o vestibular em casa, mas é preciso manter o foco e conseguir se dedicar ao aprendizado. É importante, por exemplo, que o aluno tenha um local reservado para o estudo, deixando as distrações de lado e podendo voltar todo o seu foco para as disciplinas a serem aprendidas.

Outra dica é manter um cronograma de estudo, que irá direcionar para os conteúdos importantes para o vestibular que o candidato irá realizar a prova. Nesse sentido, é importante incluir exercícios, resumos e até mesmo a prática de redação, com conteúdos variados.

Por fim, podemos destacar também a importância de fazer pausas durante o estudo, isso ajuda a manter a motivação e a concentração no processo.

Preparaê - treine gratuitamente para o enem e vestibulares

Tipos de vestibulares

Existem três tipos de vestibular: o tradicional, o digital e agendado. Cada faculdade pode optar em escolher um ou mais tipos, então busque saber quais as opções antes de se inscrever.

Vestibular tradicional

O vestibular tradicional é o mais antigo e comum. A prova é realizada presencialmente com todos os alunos que também estão participando. Geralmente, a prova é impressa e realizada em escolas ou na própria universidade.

No vestibular tradicional, fica um fiscal de prova, que distribui as provas, informa as instruções, o tempo restante, recolhe as assinaturas, entre outras atividades.

Vestibular digital 

O vestibular digital é uma prova feita de forma online. Nas instruções, o candidato recebe o site que deve abrir para realizar e pode fazer o vestibular da sua casa, sem precisar ir até a faculdade.

Essa costuma ser uma opção muito comum para universidades que oferecem cursos EAD (ensino à distância) mas que ainda precisam de um processo seletivo para seus vestibulandos. Desse modo, o vestibular digital atende a isso.

Desde 2020, devido à pandemia, o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) permite que os alunos realizem a prova de forma online, assim como no vestibular digital. Essa modalidade é chamada de Enem Digital, mas ainda é possível fazer a prova presencial.

Vestibular agendado

O vestibular agendado segue as mesmas regras e modelo do vestibular tradicional, a diferença é que a data em que o candidato fará a prova pode ser agendada.

Isso porque na versão tradicional, a faculdade decide as datas em que serão realizadas as provas. Já no vestibular agendado, o aluno opta pela melhor data e horário que deseja fazer a prova, sendo então mais flexível.

Datas dos vestibulares

De forma geral, os vestibulares ocorrem em dois períodos: no começo e no meio do ano.

Os vestibulares de verão, como são chamados aqueles que ocorrem geralmente em janeiro, são disponibilizados para a maioria dos cursos oferecidos nas universidades do país.

O vestibular de inverno, ocorre no meio do ano, entre os meses de julho e agosto, para os ingressantes nos cursos do segundo semestre. Por essa razão, muitas vezes o número de cursos para esses vestibulares é menor, uma vez que algumas graduações têm ingresso de aluno de forma anual, apenas no começo do ano.

Para os vestibulares de inverno é mais comum a aplicação de processo seletivo próprio, com a nota do Enem não sendo utilizada nessa situação. Por isso, é importante que o vestibulando fique atento ao prazo de inscrição e data da prova da universidade que deseja ingressar. 

Os editais são divulgados nos próprios canais de comunicação da instituição de ensino e as datas exatas das provas podem alterar de acordo com o ano.

Cursos mais concorridos no vestibular 

Você sabe quais são os cursos mais concorridos nos vestibulares? Esse ranking pode mudar de acordo com a universidade, modalidade de graduação e até mesmo o período do ano. Mas, não há como negar que Medicina e Direito são cursos que nunca saem dessa lista.

E, além deles, existem outras graduações que ficam presentes entre os mais concorridos dos vestibulares. E, para entender como é possível definir esse ranking, é importante entender como ele é feito.

A definição dos cursos mais concorridos nos vestibulares é feita a partir do número de candidatos inscritos versus a quantidade de vagas ofertadas. Com isso, quanto mais alunos interessados, mais concorrido ele será, uma vez que o número de vagas tende a se manter o mesmo nas instituições.

De modo geral, os cursos mais concorridos nos vestibulares são:

  • Medicina;
  • Direito;
  • Psicologia;
  • Relações Internacionais
  • Fisioterapia;
  • Medicina Veterinária;
  • Tecnologia da Informação;
  • Engenharia Civil.

Vale ressaltar que os cursos mais concorridos estão diretamente ligados ao cenário atual da economia e do desenvolvimento profissional, como os da área de tecnologia e desenvolvimento.

Afinal, a sociedade e suas escolhas são fundamentais para despertar o interesse dos jovens na profissão a ser seguida, além das possibilidades de ganhos financeiros profissionais para mudar a realidade vivida ou se realizar profissionalmente.

Principais vestibulares de faculdades públicas

Uma pergunta comum entre os futuros universitários é “como prestar vestibular”, e se você está aqui, também deve ter essa dúvida. Então, saiba que para se inscrever nos principais vestibulares de faculdades públicas do país é preciso saber onde serão, quando, os prazos de inscrição, entre outras informações.

Abaixo, trouxemos os principais vestibulares de instituições públicas para você saber como fazer sua inscrição.

Vestibular FATEC

A FATEC (Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo) oferece cursos presenciais e no formato EAD em diferentes áreas, como Agronegócio, Construção, Tecnologia e diversas outras.

Os vestibulares ocorrem duas vezes ao ano: em janeiro e em julho. As provas do primeiro semestre têm suas inscrições abertas no final do ano anterior, enquanto as do segundo semestre, têm as inscrições realizadas entre maio e junho.

O valor atual da taxa de inscrição é de R$ 91,00, mas alguns alunos podem entrar com o pedido de isenção ou redução, caso cumpram os pré-requisitos estabelecidos em edital, que é liberado pela instituição cerca de dois a três meses antes do processo seletivo e reúne as informações que os vestibulandos precisam.

Vestibular UNICAMP

A UNICAMP (Universidade Estadual de Campinas) não adere ao Sisu (Sistema de Seleção Unificada) como forma de ingresso. Sendo assim, os candidatos interessados precisam realizar o vestibular da instituição ou se inscreverem no processo que utiliza a nota do Enem.

Ao todo são ofertadas mais de 2.500 vagas disponibilizadas entre os mais de 60 cursos de graduação. As provas para ingresso ocorrem em novembro do ano anterior, com as inscrições sendo realizadas entre os meses de agosto e setembro.

São duas fases, com provas fechadas e abertas e a necessidade de realizar uma redação, conforme é estabelecido em edital. Atualmente, a taxa de inscrição é de R$ 192,00, mas alguns candidatos podem solicitar a isenção do pagamento.

Vestibular UFPR

A UFPR (Universidade Federal do Paraná) também oferece processo seletivo próprio para aqueles que desejam ingressar em uma das mais de 1.500 vagas, divididas entre os 136 cursos de graduação.

As provas são realizadas em agosto, para o ingresso dos aprovados no período letivo do ano seguinte. A taxa de inscrição é de R$ 155,00, que pode ser alterada de ano para ano.

Vale ressaltar que, assim como os demais vestibulares apresentados, o da UFPR também é feito em duas fases, com alguns candidatos sendo eliminados após o resultado da primeira fase.

Vestibular UFRGS

Já a UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), seleciona estudantes nos dois semestres para ingressar em um dos seus cursos de graduação. No entanto, as provas são aplicadas uma única vez, no mês de fevereiro.

Dessa forma, o candidato deve realizar a inscrição entre os meses de novembro e dezembro, com a prova sendo feita em fevereiro. As vagas são divididas para o ingresso entre os dois semestres do ano.

Atualmente, a taxa de inscrição para o vestibular UFRGS é de R$ 145,00, devendo ser pago o boleto para que a confirmação seja efetuada e o vestibulando possa realizar a prova. 

Principais vestibulares de faculdades privadas

Apesar de serem pagas, as faculdades privadas também exigem que o interessado participe do vestibular. Isso porque as faculdades contêm uma certa quantidade de vagas a serem preenchidas, e é a classificação do vestibular que define os selecionados, de acordo com o número de vagas oferecidas.

Para saber mais detalhes sobre os vestibulares das principais faculdades privadas do país, acompanhe a leitura abaixo.

Vestibular Estácio 

Na Estácio de Sá, o vestibular pode ser feito presencialmente (dependendo do campus e a consultar no edital), e também agendado e online, 100% digital. As provas ocorrem o ano todo, ficando a critério do aluno.

O vestibular dessa faculdade, além de servir como forma de ingresso, também pode ser uma forma de conseguir uma bolsa de estudos, de acordo com o desempenho obtido na prova.

O interessado em estudar na Estácio de Sá, também pode optar por não fazer o vestibular e entrar usando sua nota do Enem ou pela transferência externa.

Vestibular PUC

A PUC (Pontifícia Universidade Católica) possui dois vestibulares ao ano. O primeiro, é geralmente feito em outubro, com inscrições entre agosto e setembro, para ingresso no primeiro semestre do ano subsequente.

O outro, é o vestibular de inverno, para quem deseja ingressar no segundo semestre. As provas costumam ser em junho, e as inscrições nos meses entre abril e junho. 

Para participar, há uma taxa a ser paga, que varia de acordo com campus e curso. No último vestibular da PUC-SP, por exemplo, a taxa de inscrição do último ano foi de R$ 140.

Vestibular FGV

A FGV (Fundação Getúlio Vargas) oferece vestibular tradicional e online, contudo, é importante acessar o edital da prova para saber como será realizada, pois pode variar.

A taxa de inscrição é entre R$ 75 a R$ 150, dependendo do campus e curso pretendido.

Vestibular UNOPAR 

A UNOPAR conta com vestibular online e as inscrições devem ser feitas no site da instituição. Realizando a prova, além de conseguir ingressar na faculdade, o candidato também pode obter desconto nas mensalidades.

Se você está em busca de desconto, o que acha de conhecer as bolsas de estudos oferecidas pelo Amigo Edu, sem precisar de vestibular? Somos uma plataforma que oferece bolsas de até 80% para cursos de graduação e pós-graduação, online, presencial ou semipresencial.

CTA bolsa de estudos amigo edu
0800 780 8099

Também atendemos pelo Whatsapp!