A gastronomia é a ciência que estuda a produção de alimentos e seu impacto na sociedade. O termo, de origem grega, é utilizado para designar todo conhecimento e prática vinculados à preparação de iguarias.

A sua praia é a cozinha? Sonha em trabalhar com culinária ou até mesmo abrir seu próprio negócio? Pode ir se preparando, pois são diversas oportunidades oferecidas por instituições de ensino no país para a graduação em Gastronomia.

E se o problema é o orçamento apertado, temos uma boa notícia: existem várias oportunidades de bolsas de estudo que vão facilitar sua caminhada até o tão sonhado diploma.

A receita é fácil: o primeiro passo é se informar sobre as possibilidades de bolsa e verificar se você se encaixa em alguma delas. Depois, basta juntar a documentação e experimentar o gostinho de fazer a faculdade sem ter que se preocupar com o bolso.

Veja também: Instituto Gourmet – cursos de gastronomia são opção em meio à crise

Quer saber como conseguir bolsa de estudo para Gastronomia? Fique com a gente neste artigo e saiba mais.

Como conseguir bolsa de estudo de Gastronomia?  

A área da Gastronomia permite uma ampla atuação e são diversas opções para quem quer seguir esta carreira.. O Brasil é um país vasto em culturas, e consequentemente, na culinária também. Cada região possui suas particularidades em relação à alimentação.

E sim! Você pode conseguir sua sonhada bolsa de estudos para Gastronomia. E a receita para tudo isto, é fácil: você precisa ficar de olho nas oportunidades.

Vamos ver a seguir as principais formas de encontrar uma bolsa de estudos para Gastronomia. Confira!

Prouni para Gastronomia 

O Prouni (Programa Universidade para Todos) foi criado pelo governo federal para a concessão de bolsas de estudo, inclusive para a área gastronômica. Basicamente, é preciso comprovar renda bruta familiar de até três salários-mínimos e ter um bom desempenho no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio)- acima de 450 pontos na média, além de não poder zerar a redação.

As inscrições para o programa abrem duas vezes por ano (a cada semestre) e devem ser feitas no site oficial do Prouni. São bolsas parciais (50%) e bolsas integrais (100%).

As notas de corte para o Prouni para Gastronomia ficaram entre 490 e 571 pontos, no último ano de realização. Basicamente, para conseguir a bolsa de estudo, você precisa submeter sua nota e esperar o resultado.

Nota do Enem para Gastronomia 

O Enem serve para avaliar alunos que estão deixando o ensino regular. Trata-se de uma prova, com 180 questões objetivas, além de uma redação.

Atualmente, o Enem muita importância e virou um passaporte para o ensino superior no Brasil. Mesmo assim, vale lembrar que o exame não é obrigatório.

Todo ano, são milhões de estudantes participantes, para posteriormente, concorrerem a uma vaga em uma universidade pública ou particular, ou ainda tentarem bolsas de estudos.

Após sua realização do exame, o próximo passo de todos os candidatos é tentar o acesso a alguma faculdade de interesse, com a nota do Enem. Esta nota tem caráter classificatório. Ou seja, notas maiores, significam maiores chances de ingresso.

A nota do Enem pode ser usada em programas do governo, como o Prouni e em programas específicos, onde cada faculdade tem o seu. Nestes casos, não existe nota de corte pré-definida. Ela é determinada após o término das inscrições.

A média atual, da nota de corte, para a maioria dos programas de bolsa de estudo para o curso de Gastronomia gira em torno de 450 a 600 pontos. Fiquei de olho nos programas da faculdade que você escolheu!

Desempenho no vestibular de Gastronomia 

Os vestibulares para o curso de Gastronomia são elaborados pelas instituições de ensino que oferecem o curso. Geralmente, as bolsas de estudo são distribuídas de acordo com a nota do estudante.

Mesmo esquema: notas mais altas significam um valor de bolsa de estudo maior. Dessa forma, por exemplo, existem instituições que dão bolsa de 100% para o primeiro colocado e a porcentagem vai diminuindo de acordo com a colocação do candidato. 

Para conseguir a bolsa de estudo para Gastronomia pelo vestibular, o aluno precisa realizar a prova, comprovar suas notas, fazer a matrícula, enviar a documentação necessária e começar os estudos sem mais preocupações!

Plataformas de bolsas de estudos  

Tentou de todas as formas e não conseguiu uma bolsa de estudos para Gastronomia? Não se preocupe! Você pode conseguir através de uma plataforma de bolsas de estudo. 

São sites que oferecem vagas com desconto em universidades privadas, que variam de acordo com nível de estudo. Elas estão disponíveis em cursos de graduação, pós-graduação e técnicos.

Todo o atendimento é realizado exclusivamente de forma online. Você deve acessar o site, procurar pela vaga do seu interesse, filtrar a modalidade (presencial, semipresencial e EAD). Feito isso, o site apresenta uma lista com todas as opções de bolsa de estudo disponíveis.

É impossível falarmos de bolsas de estudo sem citar o Amigo Edu, uma plataforma que chegou para revolucionar o mercado da educação no país e que oferece diversos benefícios e vantagens.

Basicamente, seu intuito é aproximar o aluno e a instituição de ensino, levando oportunidades para todos. Além disso, oferece também condições para que o aluno permaneça na instituição, sempre estudando.

amigo edu

Tipos de bolsa de estudo para Gastronomia

Os descontos oferecidos para estudar Gastronomia variam bastante. Eles vão, por exemplo, de 10% a 100%, dependendo diretamente dos critérios de seleção de cada programa oferecido pelas instituições de ensino. 

A seguir vamos conhecer os tipos de bolsas de estudo para Gastronomia.

Bolsa de estudo para graduação em Gastronomia  

A graduação em Gastronomia é do tipo bacharelado, com duração média de quatro anos. São diversos conteúdos teóricos e práticos apresentados durante o curso. Entre as disciplinas que se destacam, podemos citar:

  • Marketing de serviços;
  • Nutrição e química dos alimentos;
  • História da alimentação e gastronomia;
  • Cozinha clássica e cozinha regular;
  • Técnicas de panificação.

Entre outras.

Há ainda também o curso tecnológico na mesma modalidade. A diferença entre ambos é que esse é voltado inteiramente para a prática.

É possível encontrar o curso de Gastronomia nas modalidades presencial e a distância.

É possível conseguir uma bolsa de estudo para graduação em Gastronomia através de programas governamentais (como o Prouni), bolsas por desempenho no vestibular, nota do Enem e através de plataformas de bolsa de estudo.

Bolsa de estudo para pós-graduação em Gastronomia 

Como sabemos, a pós-graduação é uma forma de aprofundar os conhecimentos em especialidades da área na qual o aluno resolveu cursar. Nessa formação, além do conhecimento, também é possível se manter atualizado diante das tendências da profissão.

A pós-graduação em Gastronomia é uma forma que alunos e profissionais se reinventam, para continuar atendendo as necessidades do público, cada vez mais exigente. Além disso, proporciona a melhora no networking profissional com equipes de diversos segmentos, dentro do setor de alimentos.

As bolsas de estudo para a pós-graduação em Gastronomia são obtidas nas faculdades a partir de processos seletivos conduzidos pelos programas de pós-graduação das mesmas e também através de plataformas de bolsa de estudo.

São contemplados estudantes que desejam realizar mestrado em Gastronomia (modalidade stricto sensu) e aqueles que desejam realizar especialização ou MBA (lato sensu).

Ao concluir alguma modalidade do tipo lato sensu, o aluno recebe um certificado. Na modalidade stricto sensu, o aluno recebe um diploma e um título (de mestre ou doutor).

Vamos entender as modalidades separadamente.

Bolsa de estudo para especialização e MBA em Gastronomia 

O MBA em Gastronomia é mais voltado para aqueles profissionais que desejam assumir cargos de gerência e liderança dentro do contexto em que estão inseridos. Assim, se tornam aptos a colaborar com a melhoria operacional da empresa, implementando sempre diferentes soluções e metodologias de trabalho.

As especializações em Gastronomia intensificam os conhecimentos do estudante, proporcionando conteúdos diversificados e mais aprofundados daqueles que foram aprendidos na graduação. Entre as especializações mais comuns, destacam-se:

  • Gestão e segurança alimentar;
  • Ciências dos alimentos aplicada a gastronomia;
  • Gestão de pessoas aplicada a serviços de alimentos e bebidas.

Entre outras.

Ambas as modalidades oferecem bolsas de estudo. Geralmente, distribuídas pelos seguintes critérios:

  • Mérito acadêmico (aluno apresenta bom desempenho na graduação);
  • Empresas que têm parceria com a instituição de ensino.

Bolsa de estudo para mestrado e doutorado em Gastronomia 

Apesar do crescimento da área gastronômica no Brasil, ainda existe uma certa dificuldade para encontrar opções de cursos na modalidade stricto sensu. O primeiro mestrado profissional foi lançado apenas em 2016.

Aproveite as vagas presenciais e EAD disponíveis na plataforma do Amigo Edu! São descontos que podem chegar até 80%!

O Amigo Edu oferece bolsas de estudo de graduação e pós-graduação para Gastronomia em instituições de ensino superior e também profissionalizantes. Atualmente, são mais de 26 mil alunos beneficiados pelo programa! 

CTA pós-graduação com o amigo edu
0800 780 8099

Também atendemos pelo Whatsapp!